PIB brasileiro cresce a taxas mais elevadas que popularidade de Haddad

A economia brasileira, Rubinho e Haddad

Após chegar em 11º nas 500 Milhas de Indianápolis, Rubens Barrichelo ultrapassou a popularidade de Fernando Haddad

SÃO BERNARDO – Pesquisadores da CUT cruzaram várias pesquisas para avaliar as taxas de crescimento da popularidade de Haddad. “A coisa não está com boa cara não. Se formos analisar friamente os números, só nos restaria apoiar a Marta, mas daí corremos o risco de o Lula ligar para a Dilma pedindo que ela nos chame de meu querido, e eu já fiz duas pontes de safena”, explicou o acadêmico Diocleciano Maria, especialista em Luta de Classes. “O que nos resta agora é entender o contexto de crise generalizada em que estamos inseridos para poder culpar a burguesia de algum país imperialista.”

Após comparar a taxa de crescimento da popularidade de Haddad com as variações do PIB brasileiro, da audiência de Encontro com Fátima e do QI de Luciana Gimenez, Maria entregou à campanha de Haddad um dossiê alentado com suas conclusões. “Percebemos que, mesmo depois de revisada para baixo dez vezes seguidas, as projeções do PIB ainda crescem mais rapidamente do que a popularidade do candidato. O mesmo acontece com a audiência do programa de Fátima Bernardes. Já o coeficiente de inteligência de Luciana Gimenez tem picos inexplicáveis e variações muito grandes. Na média, também fica na frente”, advertiu o acadêmico.

Forças do PT começam a articular uma chapa Haddad-Maluf, ou Haddad-Bashar al-Assad, ou Haddad-Carminha. “É preciso chutar o pau da barraca”, declarou o presidente do PT, Rui Falcão. Elementos mais moderados do partido sugerem a chapa Haddad-Seedorf. “Embora o homem nem tenha jogado ainda, os jornais o estampam na primeira página diariamente. Uma pesquisa interna mostrou que até mesmo no andar do prédio em que Haddad mora o jogador do Botafogo tem uma taxa de conhecimento maior do que o candidato. Isso sem falar que na Holanda é permitido fumar maconha, o que pode atrair o FHC”, explicou o ministro José Eduardo Cardozo.

Ao receber o estudo, Fernando Haddad cogitou ir ao Fantástico para pedir pensão de Lula. Mas foi contido por marqueteiros.

por Piauí Herald cedido ao Humor Político

O Dia a Dia da nossa famigerada Política Nacional e Internacional com muito Humor, através de Charges, Tiras, Cartuns, Montagens e Vídeos!!

Publicado em Economia, Eleições 2012 Marcado com: , , , , , , , , , , , ,

Comente

Siga-nos

Youtube Facebook Twitter Google Plus Pinterest




Arquivos

Conteúdo


Charges por E-mail

Receba os Posts do Humor Político em tempo real, assim que forem publicados!