Dirceu entra com recurso para impedir Joaquim Barbosa de trabalhar

Dirceu deu uma coletiva para explicar que não pôde assumir como técnico do Palmeiras

Dirceu deu uma coletiva para explicar que não pôde assumir como técnico do Palmeiras

PAPUDA – Ávido por uma vaga no mercado de trabalho, José Dirceu reagiu com indignação ao ter mais um pedido negado pelo STF. “Contratei o corpo jurídico do Fluminense e vamos entrar com uma liminar para impedir Joaquim Barbosa de trabalhar. Ele vai provar do próprio remédio”, sussurrou o ex-ministro, num tom soturno, enquanto segurava um bonequinho de vodu com uma toga preta.

Irritado com a afronta a sua irrefutável neutralidade de magistrado, Barbosa pediu data venia e revogou a autorização para os advogados brasileiros trabalharem. “Não há como fiscalizar o trabalho de todos eles”, justificou. Dirceu teria reagido com uma risada maquiavélica. Em seguida, bebeu o sangue vermelho-PT de um morcego vivo.

Dilma Rousseff prometeu, caso seja reeleita, criar o Ministério da Papuda. “Nossos companheiros poderão trabalhar e empregar parentes sem deixar a carceragem.” Solidária, apresentou um projeto, orçado em R$ 15 bilhões, para implementar uma ala padrão FIFA no complexo político-penitenciário.

Esta entrada foi publicada em Sátira e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente