Junta militar do Egito pede desculpas por mortes de manifestantes

A junta militar que governa Egito há nove meses pediu desculpas nesta quinta-feira pela morte de civis durante protestos pró-democracia no país e admitiu que a polícia cometeu violações de direitos humanos. Um cessar-fogo entre policiais e manifestantes entrou em vigor às 6h (horário local), suspendendo a violência após cinco dias de intensos choques que deixaram ao menos 37 mortos, de acordo com o Ministério da Saúde. Fontes da oposição falam em até 40 vítimas. - por William para o Brazil Cartoon

Sobre Humor Político

O Dia a Dia da nossa famigerada Política Nacional e Internacional com muito Humor, através de Charges, Tiras, Cartuns, Montagens e Vídeos!!
Esta entrada foi publicada em Mundo e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.