Comemorar o golpe de 64 é comemorar torturas, estupros, assassinatos e desaparecimentos cometidos por agentes do Estado durante a ditadura militar. É comemorar a morte! Mas o que esperar de um (des)governo responsável por mais de 300 mil mortos?

Esta entrada foi publicada em humor e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.