Com Copa América no Brasil, O Globo e Estadão voltarão a publicar aglomerações na capa

Com a vinda da Copa América ao país, o Brasil visa explorar novas modalidades de 7 a 1

MANUAL DE REDAÇÃO – Depois de decidir que a primeira manifestação popular nas ruas contra Bolsonaro – que envolveu milhares de brasileiros em dezenas de capitais – não era digna de figurar na primeira página, os diretores de “O Globo” e “O Estado de S. Paulo” anunciaram que os jornais voltarão a publicar imagens de pessoas aglomeradas na capa. A decisão editorial é uma resposta ao anúncio, por parte do governo, de que o Brasil sediará a Copa América, mesmo em meio a uma média diária de quase 3 mil mortes.

“A gente tá numa época de pandemia, então não faria sentido dar uma foto que pudesse de alguma forma encorajar a aglomeração”, disse um editor, referindo-se às manifestações de sábado. “Mas a gente também não pode ignorar que o país vai sediar um torneio internacional de futebol. Isso é um fato. E nenhum jornal pode ignorar os fatos.”

Depois de passar anos xingando os jornais, o presidente Jair Bolsonaro passou a elogiar o “Estadão” e “O Globo”. “No tocante a isso daí, finalmente essa imprensa percebeu que a nossa manchete jamais será vermelha”, afirmou o presidente. “E como já dizia o ditado: O futebol é a cloroquina do povo, tá ok?”

Esta entrada foi publicada em humor, Sátira. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.