Desmascarada por Olavo, comunista Regina Duarte chama Bernie Sanders para cargo na Cultura

Regina Benário prometeu só usar vermelho enquanto for ministra de Bolsonaro: “Resistência.”

BIG BROTHER VIRGÍNIA – Empossada como secretária de Cultura do governo Bolsonaro, a ubercomunista Regina Guevara Duarte – que tem sido atacada com a hashtag #foraregina depois de exonerar os remanescentes da ala olavista que permaneciam na pasta – confirmou o desejo de nomear o democrata Bernie Sanders para um cargo.

“Por décadas tentei esconder meu viés comunista, meu treinamento em drama cubano e minha devoção a Lenin, Lula e Fidel Castro na esperança de que isso não atrapalhasse meu contrato com a Globo”, explicou a guerrilheira, em coletiva de imprensa realizada no Foro de São Paulo. “Mas agora que fui desmascarada pela horda olavista, nada me resta além de partir para a guerra junto aos quadros mais gabaritados do socialismo pornográfico. Daí o convite ao camarada Sanders. Se os Democratas não o querem, que se junte ao Aliança pelo Brasil!”

O convite caiu como uma bomba fabricada pela Taurus na campanha do pré-candidato à presidência dos Estados Unidos, que viu suas chances de nomeação pelo partido Democrata diminuirem após perder a Super Terça para o concorrente Joe Biden. “Eu imaginava me aposentar da vida pública caso não conseguisse a nomeação”, explicou Sanders. “Mas um pedido da companheira Regina não pode ser descartado assim sem muito pensar. Não foi lutando pelos mais ricos que ela passou a ser conhecida como rainha da sucata.”

Esta entrada foi publicada em Sátira e marcada com a tag , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.