Dilma nega que pedirá demissão

sarney

Sarney pediu demissão do cargo de caricaturista do senado

CUBA – Em meio a uma campanha de demissões voluntárias que culminou no forte boato de que o mais alto cargo do Executivo ficaria vago, Dilma Rousseff afirmou que não é Maria-vai-com-as-outras. “Todos nós aqui sabemos que cada um de nós escolhe – a vida faz a gente escolher – nossas escolhas”, esclareceu. “Ora uma, ora outra. Ponderações.”

Intérpretes do Planalto decodificaram a fala da presidenta e concluíram que Dilma apenas negou os rumores de que sua exoneração seria iminente. Em seguida, dois dos intérpretes pediram demissão.

Atordoado com a ineficiência petista em transformar o Brasil numa imensa Cuba, Fidel Castro também jogou a toalha e optou pela aposentadoria por tempo de serviço. Num discurso que durou três semanas, o ex-ditador pediu que Dilma se ilumine e escolha um corpo de guerrilheiros capaz de resgatar a credibilidade de seu governo junto a campesinos, operários e socialistas em geral.

Esta entrada foi publicada em Sátira e marcada com a tag , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a Dilma nega que pedirá demissão

Comente

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.