Ibama: papagaio tem que xingar PT e fazer rachadinha para ser legalizado

Os papagaios também serão instruídos a postar áudios contra o PT em grupos de família do WhatsApp. “Sai mais barato que bot”, disse Carlos Bolsonaro

ZOO-ILÓGICO DE BRASÍLIA – “E o Lula? E o PT?” repetia um adestrador a um papagaio, enquanto os dois aguardavam na fila do recém-criado Departamento de Legalização de Animais Silvestres Traficados do IBAMA. O esforço do profissional era necessário para que o animal pudesse se enquadrar às novas regras da autarquia, que publicou um despacho, nesta semana, autorizando a legalização de todo papagaio doméstico que xingue o PT e que tenha sido adquirido ilegalmente há mais de oito anos.

“Isso daí é uma ideia que eu tive outro dia, com o General Heleno, enquanto a gente ouvia um CD de piadas do Costinha”, explicou Bolsonaro.”Tava cheio de piada de papagaio, mas era tudo papagaio desbocado, que não defendia os valores da família. Cadê o papagaio de bem, pai de família, patriota? Isso a National Geographic não mostra, tá ok?”

Com a legalização do tráfico de papagaios domésticos, Bolsonaro disse estar combatendo a ideologia de gênero, de espécie, de classe, de ordem e de filo dentro do reino animal. “Esses papagaios soltos na Amazônia são claramente da ditadura dos ambientalistas”, afirmou. “Então a ideia é contra-atacar. Não é muito o que a gente tá pedindo: só uma frase contra o PT. Agora, se o papagaio bater também no Bivar, no Witzel e ainda fizer rachadinha no gabinete do Flávio, aí adquire outro status. Posso até considerar pra embaixada em Madagascar, já que lá também é cheio de bicho que fala.”

Esta entrada foi publicada em Sátira. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.