Lula escala FHC para fazer frente a Ciro em Paris

Caso perca no primeiro turno em 2022, Bolsonaro deve tomar um avião rumo a Bangu

QUEDA DO BASCULHO – Uma large avant – ou frente ampla em bom português – vem se formando no horizonte. O encontro entre os ex-presidentes Lula e Fernando Henrique Cardoso sinaliza que o presidenciável Ciro Gomes deve passar por dificuldades no colégio eleitoral dos arrondissements de Paris em 2022. Isso porque, em mais uma jogada rumo à campanha à presidência, Lula escalou FHC para bater de frente com o ex-governador do Ceará e ex-aliado no habitat natural de Fernando Henrique: Paris. “Nunca antes na história dessa république existiu uma união como essa”, afirmou Lula.

“A política é um xadrez em que não se pode ter pruridos para anular os adversários”, explicou Fernando Henrique. “Por isso, antecipando-se a 2022, o Lula já me escalou para estar em Paris antes do Ciro chegar. Não haverá assento para ele no Deux Magots.”O governo Bolsonaro já sinalizou com uma alternativa de destino para Ciro. A sugestão veio via ministro da Eugenia, Paulo Guedes, que disse: “Até ex-metalúrgico estava indo para EuroDisney, uma festa danada! Calma lá, vai ali pra Cachoeiro do Itapemirim ou pra Eldorado, ver onde o Mito nasceu!”

Esta entrada foi publicada em humor, Sátira. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.