Nordeste teme ser anexado a Santa Catarina após aumento de apoio a Bolsonaro

A mudança também trouxe benefícios econômicos à região, que deve receber fábricas de chocolates ligadas ao senador Flavio Bolsonaro

VEIO DAS PERNAMBUCANAS – Parte do Nordeste amanheceu em pânico, hoje, ao saber que a região pode ser anexada a Santa Catarina após a divulgação da pesquisa DataFolha que atestou aumento do apoio local ao presidente Jair Bolsonaro. “Já não existe o Rio Grande do Norte, que nada mais é do que um Rio Grande do Sul, só que mais lá pro norte?”, perguntou Bolsonaro. “Então agora vai ter também a Santa Catarina do Norte, que no caso vai ser essa coisa toda ai´onde moram os paraíba, tá ok?”

A nova configuração geográfica pode levar importantes mudanças à região. Na Bahia, por exemplo, toda cidade, ponte, aeroporto e escola chamada Luís Eduardo Magalhães passará a carregar o nome do senador e confeiteiro Flavio Bolsonaro. Em Pernambuco, a cidade de Olinda terá seu registro modificado para Jurerê Nacional. “Fica uma coisa muito mais patriótica, tá ok?”, comentou Bolsonaro, que já faz planos de estender o auxílio-emergencial na região até janeiro de 2022. “Depois pode virar Nordeste de novo.”

O ministro interino da saúde, Eduardo Pazuello, comemorou o projeto: “Eu já dizia que, em termos de clima, o nosso Norte é uma região mais próxima aos países do hemisfério Norte, que em termos de clima são parecidos com os estados do nosso Sul.”

Esta entrada foi publicada em humor, Sátira. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.