Lula bate o martelo: Reinaldo Azevedo será o candidato do PT

Azevedo pode significar a nova radicalização do PT

FILIAL DO PT EM CURITIBA – “O novo candidato do PT é o Senhor Reinaldo”, afirmou uma abatida Gleisi Hoffmann na sede do Partido dos Trabalhadores em Curitiba. “Reinaldo sempre bateu no PT, sempre reclamou, chamou de petralha, escreveu livros, deu palestras, mas finalmente enxergou a estrela brilhar. Ele é um metalúrgico da palavra. Com certeza vai longe no partido. Bem-vindo, companheiro”, afirmou o ex-presidente Lula através de nota lida por Hoffmann. A decisão foi tomada em função da luta aguerrida de Reinaldo contra a prisão de Lula em segunda instância. Rumores internos indicam que a decisão veio diretamente do ex-presidente, que teria dito que nem Gleisi, Lindbergh, Haddad ou qualquer outro quadro do partido lutaram tanto por sua liberdade quanto Azevedo.

O anúncio do colunista político como candidato do partido que combateu por muito tempo pegou muitos de surpresa, tanto em Brasília como no meio jornalístico. Fontes próximas afirmam que assessores de Jair Bolsonaro convocaram reuniões de emergência para discutir o futuro da candidatura do caudilho de língua presa. Ciro Gomes se expressou em uma entrevista de rádio, mas as palavras usadas pelo candidato não podem ser publicadas. Marina Silva preferiu não comentar.

Por sua vez, o MBL convocou internautas de meia idade para um evento patrocinado pela marca de panelas Tramontina, que pedirá a intervenção de Reinaldo. O blogueiro Arthur “Mamãe Falei” prometeu divulgar vídeo em que afirma ter sido agredido pelo novo candidato com olhares raivosos. Joice Hasselmann, ex-escada e atual desafeto de Reinaldo, deu entrada em um hospital da região de Curitiba apresentando severo caso de bipolaridade. Testemunhas afirmam que no momento de chegada ao hospital a apresentadora alternava acessos de raiva com exclamações de alegria.

A consolidação da candidatura agora depende apenas da definição de quem será o vice na nova chapa, mas a tarefa não parece fácil. Enquanto Lula sugere Boulos ou Manuela, o PT tenta emplacar o nome de um tataraneto de Lênin que se filiou recentemente ao partido. Todos os nomes foram vetados por Reinaldo, que considerou as opções muito à direita.

Esta entrada foi publicada em Sátira. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente